Você não levou em conta



"Se ninguém disser qualquer coisa para me entreter", bradou um rei tirânico e já maltratado pela idade, "cortarei a cabeça de todos os cortesãos."

Imediatamente, Nasrudin deu um passo à frente.

"Majestade, não me corte a cabeça. Farei alguma coisa."

"E o que podes fazer?"

"Eu posso... ensinar um asno a ler e escrever!"

"É melhor fazê-lo, ou te esfolarei vivo", disse o rei.

"Vou fazê-lo", disse Nasrudin, "mas isto me tomará dez ano!"

"Muito bem", disse o rei, "concedo-te os dez anos."

Assim que o rei se retirou, Nasrudin foi cercado pelos nobres da corte.

"Mullá, é verdade mesmo que você pode ensinar um asno a ler e escrever?"

"Não", respondeu Nasrudin.

"Então", disse o mais sábio dos cortesãos, "você acaba de inaugurar uma década de tensão e ansiedade, pois certamente será condenado à morte. Oh, que loucura! Preferir dez anos de sofrimento e contemplação da morte ao machado do carrasco, que corta a cabeça num átimo..."

"Você não levou em conta apenas um pequeno detalhe", disse o Mullá. "O rei tem setenta e cinco anos e eu, oitenta. Muito antes que o tempo se esgote, outros elementos terão entrado na história...

Postagens mais visitadas deste blog

O Cavalo Mágico

O ELEMENTO INESPERADO

O Mestre da Opção