quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010

Nasrudin e o varal

Um vizinho bateu à porta do Nasrudin e pediu:

"Nasrudin, você me empresta o varal de secar roupa que o de lá de casa se quebrou?"

"Um momento",
disse Nasrudin  "vou perguntar à minha mulher."
Momentos depois Nasrudin voltou e disse para o vizinho:

"Desculpe vizinho, mas não vou poder emprestar o varal pois minha mulher está secando farinha nele".

O vizinho, surpreso, exclamou:

"Secando farinha no varal?!"

E Nasrudin disse:

"É... quando não se quer emprestar o varal, até farinha se seca nele".

O HOMEM CUJA HISTÓRIA ERA INESPLICÁVEL

Era uma vez um homem chamado Mojud. Ele vivia numa cidade onde havia conseguido um emprego como pequeno funcionário público, e tudo levava...