quinta-feira, 27 de maio de 2010

LEVANTAR CEDO...

"Nasrudin, meu filho, levante-se cedo pela manhã."

"Por quê, pai?"


"É um bom hábito. Certa vez levantei-me de madrugada para dar um passeio, e encontrei uma bolsa cheia de dinheiro no meio da rua."


"Como você sabe que não a perderam na noite anterior?"



Não é esta a questão. de qualquer forma, não estava lá na noite anterior, eu reparei."


"Então nem sempre é bom levantar cedo. O homem que perdeu o dinheiro deve ter levantado mais cedo que você".  

quinta-feira, 20 de maio de 2010

QUANTIDADE E QUALIDADE

Nasrudin estava levando um carregamento de uvas ao mercado. Um grupo de crianças pedia insistentemente para comê-las, ele deu apenas uma para cada.


"Como você é mesquinho, Mullá", disseram as crianças.


"Não sou não, estou fazendo isso para demonstrar como são tolas as crianças. Todas as uvas tem o mesmo sabor... Tendo provado uma, você já sabe como são todas as outras".  

quinta-feira, 13 de maio de 2010

NÃO SE ESTANDO DENTRO DELE...

Perguntaram ao Nasrudin:

"Mullá, durante um cortejo fúnebre, deve-se caminhar à frente ou atrás do caixão?"

"Dá no mesmo... Não se estando dentro dele."


Histórias do Nasrudin (Ed Dervish).

quinta-feira, 6 de maio de 2010

TUA ESTAÇÃO HÁ DE SER O CÉU

Desde que chegaste ao mundo do ser,
uma escada foi posta diante de ti, para que escapasses.
Primeiro, foste mineral,
depois, te tornaste planta,
e mais tarde, animal.


Como pode isto ser segredo para ti?

Finalmente, foste feito homem
com conhecimento, razão e fé.
Contempla teu corpo, 'um punhado de pó',
vê quão perfeito se tornou!



Quando tiveres cumprido tua jornada,
decerto hás de regressar como anjo;
depois disso, terás terminado de vez com a terra,
e tua estação há de ser o céu.



Julaluddin Rumi (1207 -1273)

O HOMEM CUJA HISTÓRIA ERA INESPLICÁVEL

Era uma vez um homem chamado Mojud. Ele vivia numa cidade onde havia conseguido um emprego como pequeno funcionário público, e tudo levava...