SE AO MENOS...



Nasrudin caminhava ao lado de um discípulo quando viu, pela primeira vez na vida, uma linda paisagem refletida em um lago.
“Que maravilha! Mas, se ao menos...”
“Se ao menos o que Mullá?” perguntou o discípulo.
“Se ao menos não tivessem colocado água no lago”.

Histórias de Nasrudin (Ed. Dervish)

Postagens mais visitadas deste blog

O Cavalo Mágico

O ELEMENTO INESPERADO

O Mestre da Opção